sexta-feira, 1 de maio de 2009

avaliação na educação infantil

sugestões retiradas da web.

AVALIAÇÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

ROTEIRO DE AVALIAÇÃO NA ED. INFANTIL

Este roteiro serve para qualquer faixa etária, pois o desenvolvimento acontece de forma parecida no ser humano. Basta observar em que nível o seus alunos se encontram.Lembrem-se, não há receita, cada criança se desenvolve no seu rítmo, portanto, crianças de uma mesma sala podem ter a mesma idade, mas estarem em níveis diferentes, nos diferentes aspectos.

1. ASPECTOS FÍSICOS: expressão corporal, harmonia, equilíbrio, ritmo, coordenação, organização espacial ampla, uso e aplicação da força.Como chega à escola?Como se adapta ao ambiente?Como brinca?Como está se movendo?O caminhar é ágil e harmonioso?Corridas e saltos são equilibrados ou ocorrem quedas?Como recorta?Como usa a cola?Como pinta? Consegue respeitar limites da folha e do desenho?

2. ASPECTOS SOCIAIS: interatividade, participação compartilhada, regras, disciplina, organização, trabalho em equipe, responsabilidade.Interage com os amigos?Empresta brinquedos?Respeita regras e combinados?Expões novidades e acontecimentos do seu cotidiano?Participa manifestando opiniões pessoais?Prefere jogos cooperativos ou competitivos?

3. ASPECTOS EMOCIONAIS: experienciar muitos e novos sentimentos, desde a alegria das vitórias e conquistas até o sabor da derrota e da perda, sendo valorizada cada manifestação e expressão dos sentimentos.Como chega a escola?Como se relaciona com colegas, educadoras e funcionários?Sente-se seguro no ambiente escolar?Como reage quando contrariado?Acalma-se facilmente ou precisa de um tempo?Identidade:Reconhece os colegas?Se identifica pelo nome,sua imagem no espelho?Gosta dos colegas e os identifica?Tem capacidade de resolver conflitos e tomar iniciativas?É crítica e criativa?Curiosa e inventiva?É participativa e cooperativa?

4. ASPECTOS COGNITIVOS: linguagem oral e escrita, raciocínio lógico matemático, capacidade de comunicação e argumentação, iniciativa na resolução de problemas e conflitos.Em qual estágio do desenvolvimento se encontra? ( sensório- motor, operacional etc...)Tem interesse pela descoberta das letras e escrita de palavras?Em que nível de escrita se encontra?Comunica-se com clareza e objetividade?Apresenta sequência lógica dos fatos?Consegue observar semelhanças e diferenças entre os objetos?Classifica, ordena e quantifica com base em atributos de cor, forma. tamanho e espessura?Em que etapa seu desenho se encontra? (desenho sem intenção ou figurativo)

5. ÁREA EM QUE SE DESTACA: Nesta etapa, utilizo como referência, a teoria de inteligências múltiplas do Gardner e nos novos estudos que complementam esta teoria.Observo em quais áreas a criança atua com mais desenvoltura e coloco como item onde ela se destaca.

(a) Existencial: do ser como pessoa integral. Uma visão que, de certa forma, abrange, de maneira contingencial, as demais inteligências, bem como todo contingencial existencial da história de vida do aluno.

(b) Naturalista: do indivíduo que revela maior inclinação pela natureza, pelas Ciências Naturais. Aquele aluno que gosta de colecionar objetos, pesquisar a vida animal e dissecar animais.

(c) Pictórica: da pessoa voltada para a parte artística. Esta vocação que a pessoa possui para a música, para as artes Cênicas, ou para as artes Plásticas.

(d) Inter e Intrapessoal: aquela que Gaardner continua chamando da mesma forma – que são as "inteligências pessoais".

(e) Espacial: também com a mesma denominação anterior.

(f) Corporal: que diz respeito, mais especificamente, às habilidades sensoriais e motoras.

(g) Verbal: que corresponde à lingüística.

(h) A Matemática: que se refere à inteligência lógica e numérica.



A AVALIAÇÃO NA EDUCAÇÃO INFANTIL

“ Professor nenhum é dono de sua prática se não tem em mãos, a reflexão sobre a mesma. Não existe ato de reflexão, que não nos leve a constatações, dúvidas e descobertas e , portanto, que não nos leve a transformar algo em nós, nos outros e no mundo”
Madalena Freire

Como avaliar

DICAS:

1 - Tenha sempre em mãos, um caderno que funcionará como "anedotário", não conte apenas com suas lembranças, pois, esquecemos de detalhes.

2- Leia, entenda e reflita sobre as fases do desenvolvimento da linguagem, da fala, da escrita, do desenho, etc... Pois, para avaliar é preciso entender como estes processos funcionam e como a criança elabora seu pensamento, do contrário, podemos fazer uma análise equivocada.

ALGUNS ITENS PARA COLOCAR NO ANEDOTÁRIO
1. Novidade
2. Participação
3. Interação
4. Autonomia
5. Preferências
6. Colaboração
7. Característica
8. Como se comporta nas atividades
9. Como se relaciona com colegas/educadora
10. No que se destaca (no pátio, na dança, nas atividades matemáticas, atividades. De linguagem, nas atividades artísticas ou musicais etc...)
11. Como chega à escola?
12. Como se adapta ao ambiente?
13. Como se alimenta?
14. Como brinca?
15. Como se relaciona: colegas/educadora
16. Como está se movendo?
17. Como se comunica?
18. Atende as solicitações da educadora?(guarda-guarda)
19. O que faz quando contrariado?
20. Identidade: Reconhece os colegas?
21. Identifica-se pelo nome, sua imagem no espelho?
22. Gosta dos colegas e os identifica?
23. Tem capacidade de resolver conflitos e tomar iniciativas?
24. É crítica e criativa?Curiosa e inventiva?
25. É participativa e cooperativa?

Os itens a serem observados são muitos, mas podem ser sintetizados entre área motora, afetiva e cognitiva. Dentro destes três itens podem ser observados vários outros subitens. Ainda é possível agregar uma parte sobre o comportamento (higiene e saúde).

1. ASPECTOS FÍSICOS: expressão corporal, harmonia, equilíbrio, ritmo, coordenação, organização espacial ampla, uso e aplicação da força.

2. ASPECTOS SOCIAIS: interatividade, participação compartilhada, regras, disciplina, organização, trabalho em equipe, responsabilidade.

3. ASPECTOS EMOCIONAIS: experienciar muitos e novos sentimentos, desde a alegria das vitórias e conquistas até o sabor da derrota e da perda, sendo valorizada cada manifestação e expressão dos sentimentos.

O que avaliar dentro das áreas temáticas?

A Criança e o Movimento: primeiramente deve-se levar em consideração que cada criança é diferente e se adapta ao meio de forma individual. Neste contexto, ao avaliar a criança, deve o professor procurar observar se a mesma possui certo domínio do eu corporal, se a criança não demonstrar domínio nesta área, intensifica-se as atividades de esquema corporal, de lateralidade, de ritmo e de conhecimento dos segmentos corporais.
O que observar em movimento: os jogos, as brincadeiras, a dança, a imitação, coordenação sensório motora, as interações sociais, a expressividade, o equilíbrio.

Artes: A partir do momento em que a criança está em contato com materiais, produções artísticas, natureza, ela tem a possibilidade de criar, imaginar e desenvolver o pensamento artístico. Por meio deste contato, procura-se observar estes aspectos na criança, nas produções individuais e coletivas.
O que observar em artes: o pensamento, a sensibilidade, a imaginação, a percepção, a intuição, a criação artística, a simbolização, a leitura de imagens, o equilíbrio, o ritmo, a interação, a imitação, a expressão, a comunicação, a diversidade das produções artísticas.

Conhecimento Lógico-Matemático: Diariamente, interagindo com o meio a criança vai adquirindo conhecimento lógico matemático.
O que observar em matemática: noções de espaço e tempo, conservação, atrito, medidas, conceito de quantidade, expressividade, interação social, jogos, situações problemas, raciocínio lógico, representações mentais e gestuais, músicas, brincadeiras, desenhos, movimento, manipulação e exploração de objetos.

Alfabetização – Linguagem Oral e Escrita: Observando a criança no contexto escolar, nas situações cotidianas, nota-se as características quanto ao uso da linguagem oral, se ela consegue expressar seus desejos e necessidades, relatar experiências vividas e se possui domínio ao recontar histórias e participar de atividades que desafiam o conhecimento oral.
O que observar em linguagem oral e escrita: A forma de se expressar, concentração, sensibilidade, percepção, interações sociais, faz-de-conta, reconto de histórias, relatos de vivências cotidianas.

Música: É a linguagem que se traduz em formas sonoras capazes de expressar e comunicar sensações, sentimentos e pensamentos. É uma das formas importantes de expressão humana, o que por si só justifica sua presença no contexto escolar, de modo geral, e na educação infantil particularmente, pois vem auxiliar nas atividades diárias, ajudando a atingir os objetivos propostos.
O que observar em música: exploração reconhecimento dos sons, intuição, gestos, interação, expressão corporal e verbal, imitação, domínio rítmico, reprodução de movimentos.

Brincadeira: é uma das atividades fundamentais para o desenvolvimento da identidade e da autonomia da criança. A brincadeira faz com que ela desenvolva sua imaginação, imitando a realidade. Ao brincar as crianças recriam e repensam os acontecimentos. Nas brincadeiras elas transformam os conhecimentos que já possuem em conceitos gerais, com os quais brinca.
O que observar em brincadeira: imaginação, sensibilidade, pensamento, imitação, recriação, oralidade, concentração, percepção, gestos, expressividade, equilíbrio, linguagem corporal, faz-de-conta, ritmo, afetividade, coordenação sensório motora, interação social, raciocínio, manipulação e exploração de objetos.

Natureza e Sociedade: O mundo onde as crianças vivem se constitui um conjunto de fenômenos naturais e sociais. Desde muito pequenas, pela interação com o meio, as crianças aprendem sobre o mundo, fazendo perguntas e procurando respostas às suas indagações.
O que observar: interação social, percepção das diversidades sociais históricas e culturais, imaginação, conhecimento prévio ou senso comum da criança, representação de mundo, faz-de-conta, diversas linguagens, afetividade, diálogo, curiosidade, jogos, músicas, habilidades físicas, motoras e perceptivas, leitura de imagens e de sons.

1 comentários:

hjguyfu on 19 de outubro de 2009 16:19 disse...

Que massa! Adorei, continue postando coisas interessantes como esta dica.

Postar um comentário

COMPARTILHAR

Postagens antigas

Ocorreu um erro neste gadget

Link-me 2

Link-Me


Em qual área da educação que você trabalha?

Prometo:

Prometo valer-me do conhecimento que me foi dado como instrumento de mudança e construção de um mundo onde o homem possa realizar-se com liberdade. Prometo, no exercício de minha profissão, enfrentar os desafios que a educação me propõe, com criatividade, perseverança e competência, buscando novos caminhos para o processo educacional. Prometo envolver-me com meus alunos no espaço que existe entre teorizar e viver a prática, porque acredito ser nesse espaço que educadores e educandos se encontram e se transformam mutuamente. Prometo não isolar no gabinete da Administração Escolar, mas dele partir para uma realidade mais abrangente, em que eu possa enxergar o homem no seu contexto social e político e que o meu trabalho na educação tenha um sentido justo, observando sempre os dispositivos legais e éticos da profissão.

 

Cantinho das Sugestões. Copyright © 2009 Cookiez is Designed by Ipietoon for Free Blogger Template